Morar em grandes condomínios exigem, de fato, organização. Por isso, todos esses empreendimentos possuem uma pessoa responsável por exercer a função de síndico. Mas quais são as exigências e objetivos desse cargo?

Nossa redação foi atrás da resposta! E vamos apresentar algumas das principais funções para você ficar por dentro das regras e obrigações que um síndico deve seguir.

síndico

Já pensou ter que representar e compreender mais de 100 moradores? É isso que um síndico deve fazer! Por isso, essa atividade não é nada fácil. Digamos que dois moradores não estejam se entendendo devido a problemas com barulho, a função do síndico neste caso é mediar a conversa e tentar resolver o problema dos dois, sem que nenhum seja prejudicado, e em casos extremos aplicar multas por descumprimento das normais internas do condomínio.

Em mediações entre moradores é proibido o síndico tomar partido no conflito, escutando mais um lado do que outro, ou multando um condômino com base apenas na palavra de outro. Ele deve ser totalmente imparcial e profissional na decisão.

síndico

Por envolver o convívio de muitas pessoas dentro do condomínio, é necessário que exista um calendário de reuniões para alinhar as vontades e necessidades de todos os moradores, são as chamadas Assembleias. Durante esse processo, o síndico fica responsável por divulgar via ata, mediar e determinar os temas que serão abordados. No final, todos os participantes da assembleia votam para decidir o que será feito, sempre com a supervisão do síndico.

síndico

Outra função de grande importância é o orçamento e faturamento mensal do condomínio. O síndico é responsável por fazer a contabilidade, os pagamentos e prestar contas aos demais moradores. Ele deverá ter o controle total dos gastos e do que deve ser feito mensalmente para manter o bem-estar de todos e a conservação do espaço comum. Portanto, todas as despesas que o condomínio tem, como o pagamento de funcionários, o valor investido em reformas e melhorias, entre outros é de responsabilidade do síndico. Vale ressaltar que todas as despesas necessitam de um planejamento estratégico, que precisa ser aprovado entre os condôminos nas Assembleias, sendo papel do síndico se ater a ele e prestar contas aos moradores.

A exigência mínima é que o síndico deva conhecer bem como funciona um fluxo de caixa, como organizar finanças, contas a pagar e receber, pagamentos a funcionários, entre outras atividades.

síndico

Você sabia que todo síndico é responsável por assegurar o empreendimento em questão? É ele quem deve fazer as cotações, ativar o seguro e repassar a cobrança do seguro aos demais moradores. Se o síndico não se atentar a essa questão pode causar um prejuízo e tanto para todos os condôminos.

As áreas comuns de um condomínio devem ser monitoradas e preservadas pelo síndico. Condomínios clube como os que possuem piscina, academia, salões de festas, e demais áreas de lazer precisam estar constantemente em observação, com manutenções preventivas e corretivas sempre que se fizer necessário.

síndico

Além disso, o síndico precisa estar atento às leis que regem a administração de condomínios, terceirização de funcionários e outras situações judiciais que envolvam o empreendimento que gerencia. O síndico é a pessoa responsável por representar o condomínio em audiências judiciais e efetuar cobranças extrajudiciais, por exemplo.

síndico

Todos os itens citados acima exemplificam como ser síndico de condomínio não é uma tarefa nada fácil. Ser síndico exige não só comprometimento e boa relação interpessoal com os moradores, mas sim várias habilidades específicas para que a função seja desempenhada com sucesso, pois a maior parte dos problemas e equívocos na vida de um condomínio tem a ver com a falta de conhecimento e informações sobre os assuntos.

Por esse motivo, a Lyx Engenharia, maior incorporadora do programa Minha Casa Minha Vida do Paraná, faz a instalação de seus condomínios clubes sempre com uma equipe profissional e terceirizada de administração. A partir da instalação, o condomínio ganha vida e passa a ter um grupo gestor externo que assume todas essas responsabilidades, começando pela primeira Assembleia, onde são definidos diversos pontos cruciais para a conservação do patrimônio e a boa convivência, além da eleição do Síndico profissional o Conselho de moradores para o papel fiscalizador.

O que achou do nosso post de hoje? Ainda não mora em sua casa própria? Tem interesse em realizar esse sonho e ainda morar em um condomínio clube com mais de 50 áreas de lazer? Aqui na Lyx esse sonho pode se tornar realidade! Com parcelas e entrada a partir de R$299 você pode! Cadastre-se e logo entraremos em contato com uma oportunidade incrível para você!

Veja também