Até algum tempo atrás, as plantas eram um luxo exclusivo das pessoas que têm quintal. No entanto, com novas soluções e recursos tecnológicos, hoje as pessoas que moram em apartamentos podem ter não só suas plantas como criar sua própria horta. Hoje é possível você criar o seu próprio espaço verde, sem necessariamente você ter um ”espaço” hortas, plantas em geral.

O cultivo de alimentos em regiões urbanas era uma tarefa bastante complexa, mas tornou-se bastante comum, praticamente uma necessidade para os cidadãos que desejam manter longe de seus pratos os agrotóxicos.

Confira neste artigo 4 dicas de como criar uma horta em seu apartamento.

 

  1. A criatividade é essencial

Mesmo apartamentos pequenos podem abrigar uma diversidade de cultivos. É possível aproveitar não só a varanda, como também pisos, paredes, grades de proteção, ganchos e parapeitos.

Escolhido o local reservado para seu espaço verde, analise quais tipos e portes de recipientes são mais apropriados para a área e estilo. Algumas opções são: Vasos de plástico, magnéticos, de cerâmica, garrafas pet, potes de vidro, louças, canecas, pallets e até mesmo caixotes.

 

 

  1. Ao optar pelo que cultivar, fique atento ao ambiente

Dica essencial para quem está começando a cultivar e criar um espaço verde em apartamentos. Sempre que fizer uma escolha, faça a seleção de acordo com o seu ambiente.

Nas hortas de apartamento, os alimentos cultivados mais comuns são: Alface, alecrim, cenoura, cebolinha, coentro, manjericão, hortelã, orégano, salsa, tomate-cereja, pimenta, pimentão e rúcula.

Ainda que você possua experiência em jardinagem, é fundamental fazer pesquisas e descobrir para quais destas opções o ambiente que você tem a proporcionar é mais apropriado. Considere sempre a entrada da luz do sol, força dos ventos, umidade e espaço reservado para o crescimento.

espaço verde

 

  1. Mantenha a organização da horta

É importante ter em mente que cada planta possui características e necessidades exclusivas que precisam ser respeitadas. O recomendado é dar início à horta com poucas espécies, e, na medida em que for aprimorando os cuidados, amplie e diversifique sua horta. Assim seu espaço verde irá ganhando um espaço significativo no seu apartamento.

Para simplificar esta etapa, busque agrupar as plantas que possuem necessidades semelhantes, mantendo anotados seus principais cuidados, tais como:

– Preparação do solo;

– Iluminação;

– Irrigação;

– Adubação.

Confira o vídeo abaixo, como é feito na prática um espaço verde em um local ”reduzido”.

  1. Evite o surgimento de pragas

Para manter o crescimento saudável do seu espaço verde em seu apartamento, é preciso fazer o controle de pragas e doenças.

Dentre as opções mais seguras estão: Pesticidas e inseticidas naturais, armadilhas em adesivo, podas, limpeza e manutenção diária e tela de proteção.

Não se esqueça que a finalidade de uma horta em seu apartamento é a mesma de qualquer outra: Fornecer alimentos e temperos. Sendo assim, é primordial ter cuidado ao selecionar os substratos, para que os vasos não sejam expostos a pragas, venenos e qualquer outro elemento que possa prejudicar a saúde.

Além do objetivo principal das hortas em apartamentos, elas também servem como decoração. Plantas, ainda que sejam hortas, tornam os ambientes sempre mais aconchegantes e acolhedores, e o principal do espaço verde é a melhora significativa na purificação do ar e no controle do clima.

Agora que você já sabe que é possível ter um espaço verde dentro de seu apartamento, não perca mais tempo e invista em sua horta!

 

Já conheceu condomínios que possuem hortas comunitárias como um espaço de lazer? Conheça o Condomínios Clube Madison que vem ganhando destaque no mercado imobiliário na região Sul do país . Empreendimentos com mais de 40 áreas de lazer! Imóveis que se enquadram no programa  Minha Casa, Minha Vida. Essa é oportunidade que você estava esperando para comprar seu apartamento próprio. Confira:

 

[contact-form-7 404 "Não encontrado"]

 

Veja também